24 de Abril de 2014
Fale Conosco Expediente Mapa do Site
 
Assessorias
 
Campanhas Salariais 07/11/2005 | 19:28
Jornalistas de Minas ganham aumento real
em julgamento de dissídio
 
No dia 3 de novembro o TRT/MG julgou o dissídio coletivo dos jornalistas de jornais e revistas do estado. A decisão de conceder aumento real de 3% - o que não ocorria há 8 anos -, além de reposição salarial de 6,10% (índice de inflação) e 100% em todas as horas extras, foi bem recebida pelo SJPMG e pela categoria. Os percentuais são retroativos a 1º de abril, data-base da categoria.

Intransigentes, os empresários do setor recusavam-se a negociar com o Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais há dois meses. A expectativa dos dirigentes dos jornalistas é de que o bom senso prevaleça e os patrões não recorram da decisão. Os juízes também determinaram o pagamento de ticket refeição de R$ 9,00, restrição do número de estagiários a 20% do total de vagas de jornalistas nas redações de jornais e revistas, entre outras conquistas.

Em SC negociação chega ao impasse
A campanha salarial dos Jornalistas de SC vem se dando com muitas dificuldades. Reticentes a retomar as negociações formais, as empresas só se expressam “informalmente” através de contato telefônico. Mas já deixaram claro o condicionamento de um possível acordo somente se o SJSC aceitar a implantação do banco de horas e ainda na base de 1 hora trabalhada por 1 hora de descanso. Considerando a proposta “informal” inaceitável, a direção do Sindicato, embora continue buscando o diálogo, não vê outra saída que não a busca da intermediação da Justiça do Trabalho no conflito.

Últimas notícias:
15/04/2014 - Agredir jornalistas é agredir a democracia
15/04/2014 - Justiça determina reintegração de jornalistas no grupo RBA
15/04/2014 - CCS pede suspensão de consulta e de edital para leilão da faixa de 700 MHz
 
SCLRN 704 - Bl. F. Loja 20. CEP 70.730-536. Brasília - DF. Tels.: (61) 3244-0650/3244-0658. Fax: (61) 3242-6616. E-mail: fenaj@fenaj.org.br